Fome cresce 30% na América Latina e Caribe

Movimento que pode resultar em ‘CLT’ cresce nos EUA
2 de dezembro de 2021
Projeto suspende decreto que acaba com VA e VR
2 de dezembro de 2021

Fome cresce 30% na América Latina e Caribe

Segundo a FAO (Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura), a fome na América Latina e no Caribe cresceu mais de 30% no período de 2019-2020, o que significa que mais de 13,8 milhões de pessoas foram empurradas para a miséria total.

É a maior taxa registrada desde 2000. No período, devido à influência das crises econômica e sanitária, o total de pessoas em situação de fome chegou a cerca de 59,7 milhões, mais de 9% do total do continente.

A FAO também aponta que pelo menos quatro em cada 10 pessoas, o equivalente a cerca de 267 milhões, sofrem de insegurança alimentar moderada ou grave.

Em 2020, com o agravamento da crise, a desigualdade alimentar atingiu mais as mulheres (41,8%) do que os homens (32%).
Fonte: UOL

Os comentários estão encerrados.